terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Falhas da modernidade

O telefone da adolescente toca:
- Filha, deixei a roupa na máquina de lavar. Tá tudo pronto. O sabão em pó e o amaciante já estão lá. É só apertar o botão para ligar.
- Só isso mesmo? Não tem mais nada que eu precise fazer?
- Não. A máquina faz todo o trabalho sozinha. Um conforto só. Liga, que ela faz o resto.
- Tá.
...
Horas depois...
- Alô, mãe, olha só... A máquina não fazia tudo? 
- Fazia, filha. Por quê?
- Sei lá... Faz um tempão que tô espiando lá fora e as roupas ainda não foram para o varal.



Nenhum comentário: