sexta-feira, 10 de julho de 2009

Um Tributo à Vida

Temos assistido a um verdadeiro bombardeio de informações, lamentações e homenagens, devido à morte do cantor Michael Jackson. Foi assistindo a um trecho do tributo feito em seu velório que comecei a pensar sobre algumas coisas que não podem passar em branco em nossas vidas. Não. Não falo sobre ele. Falo sobre nós.
Quando alguém parte, seja ele mundialmente conhecido ou um cidadão comum, há choro, lamentações, recordações, flores e tributos.
Quando alguém parte, já não é capaz de receber tudo isso. Já não pode ver a falta que irá fazer nem o quanto significava para você. Já não pode ouvir suas palavras e elogios e não estará no meio da conversa para partilhar as boas recordações em comum. Já não é mais capaz de sentir o perfume das flores enviadas, e nem pode ouvir as músicas entoadas em sua homenagem.
Quando alguém parte, ficamos com a impressão de que poderíamos ter feito mais. Isso me lembra o trecho de uma música do Oficina G3: “É sempre a morte que refresca a memória”. Se temos que passar pela vida, sabendo que mais cedo ou mais tarde o inevitável acontecerá, façamos com que as pessoas que nos cercam saibam o quanto são especiais para nós. Não esperemos que a morte refresque-nos a memória.
Envie flores e cartões. Se está apaixonado, envie rosas. Hoje! Sim, são caras, mas haverá alguém que ficará feliz em recebê-las e sentir seu perfume. Gaste agora. É o agora que realmente importa. Diga a alguém que tal música faz você lembrar-se dele. Envie a música ou cante para essa pessoa, mas deixe-a saber.
Elogie verdadeiramente. Destaque qualidades. Abrace. Ligue durante o dia. Surpreenda. Viva e compartilhe sua vida intensamente com as pessoas que ama. Faça alguma coisa hoje mesmo, por mais simples e boba que pareça. Isso faz toda a diferença, acredite!
Faça enquanto pode. Enquanto vale a pena. Enquanto houver possibilidade de troca, de reciprocidade. Faça agora mesmo. Por que não? Aposto que você já tem idéia de como deve começar. Tribute à vida!

2 comentários:

marcio disse...

ISSO TUDO ME FACINA ME FAZ RECORDAR DO CARISMA DE UM DOS MAIORES PREGADORES NORTE-AMERICANOS,QUANDO DISSE EM UM DOS SEUS SERMÕES:

"Se ajudar uma só pessoa a ter esperança, não terei vivido em vão." [ Martín Luther King ]

''LUTAR PELO RESGATE DE VALORES MORAIS,ISSO É FUNDAMENTAL PARA UM MUNDO MELHOR''

MARCIO MONTENEGRO

Blog do Téo disse...

Como é bom quando a gente tem uma oportunidade de repensar nossas atitudes a tempo de evitá-las.

Cara colega, eu só discordo na parte eu que tu diz que quando alguém parte, já não é capaz de receber tudo isso. Mas tu sabe o pq né?!

Hehe...teimo em discordar contigo...coisa feia! hehehe

beijão Cris